O “Fiscal do Sarney” do Paraná em 1986

No dia primeiro de março de 1986, o curitibano Omar Marczinski ficou entusiasmado ao ver a câmera da TV Globo, e acabou virando o “Fiscal do Sarney”.  Saiu por um supermercado mostrando os abusos, e foi parar no Jornal Nacional, em uma reportagem de Carmem Sunyê. A glória dele durou pouco, mas ainda foi convidado temporariamente para a Sunab, pelo presidente Fernando  Collor de Mello, no início dos anos 1990.  Morreu alguns anos depois, esquecido morando em Manaus.

Clique aqui para conhecer o grupo “Memória Brasileira”. Ao abrir clique em “participar do grupo”.

 

O cinegrafista Carlos Drabowski filmou Omar Marczinski fechando o supermercado Real do bairro Cabral, em Curitiba, no início do Plano Cruzado.

 

A notícia completa no Jornal Nacional da época.

 

Pronunciamento do então presidente José Sarney.

 

Comments

comments

Shares